Ensino remoto emergencial na Primeira Infância ou encontros vespertinos na janela de luz azul

Cintia Galina - Educação Infantil Escola Viva

Cintia Galina é professora da Educação Infantil há 19 anos. Pela primeira vez, ela relata como foi a vivência com as crianças pequenas nas aulas virtuais e as possibilidades do ensino remoto na Escola Viva.

Por Cintia Galina

Ressalto o emergencial, que em um primeiro momento nos pega de surpresa, de espanto, de sobressalto e nos contempla em encontros abreviados, trinta minutos em nossas tardes, com bochechas encostadas nas telas, olhos que adentram as janelas e dedos que viram grandes pinças trocando comidinhas diversas. 

Ainda em sobressalto, mergulhados na quarentena, fomos tendo naqueles encontros virtuais, remotos e emergenciais, a possibilidade da extensão escolar. Não tínhamos toque, não tínhamos cheiro, mas tínhamos a parceria das famílias, e a necessidade comum, de ser social, de estarmos juntos, de podermos validar de fato o que havia nos restado, esta janela de luz azul.

E por esta janela sustentamos e estreitamos vínculos.

Era começo do ano e o vínculo foi concluído ali, no mosaico, na janela. Nossos alunos e alunas eram Amarelinhos (1 e 2 anos) de poucas palavras e olhos enormes, quando o gesto ainda expressa comunicação, linguagem e beleza e assim como fazíamos toda tarde Amarelinha no presencial, o fizemos no emergencial, cantamos, abrimos a roda, demos boa tarde a todos, viajamos de foguete, andamos a cavalo, pulamos como sapos e macacos. 

O computador se afastou do rosto para sermos corpo e rolarmos, dançarmos, sermos por inteiro como clamam os corpos Amarelinhos. Nossos encontros eram coletivos e garantiam a presença das professoras e a oportunidade de rever os colegas de sala, sustentando e mais uma vez fortalecendo nossos vínculos com afeto.

Descobrimos que nestas rodas cantadas adentrávamos nas casas ampliando o repertório de brincadeiras de cada família, introduzindo elementos novos na rotina semanal de cada casa com começo e fim, ou melhor, com recomeços e fim. Na tela, neste momento cumpríamos um tanto de nossa função escolar, de garantir a cultura da infância para além do círculo familiar, fazendo valer o que vem do público, de nossa história, para adentrar no privado e reverberar no corpo, na memória e na linguagem dos nossos Amarelinhos. Nessas horas, sem sobressalto, éramos professoras na sala de casa com seus alunos e alunas fazendo roda, cantando como cantávamos no corredor da casa do lobo, tirando imagens de nossas caixas como fazíamos em nossa sala de aula. 

Outro momento da rotina foi vivido com integridade, talvez a maior de todas. Foram as histórias. As bochechas grudadas nas janelas diziam da importância das palavras lidas, linha por linha das histórias. Quando o amanhã ficou invalidado, a permanência e a estabilidade textual das histórias traziam segurança e prazer, assim vivemos a Clara e seu irmão Gabriel, a Galinha Xadrez, A lagarta comilona, O homem da chuva, O sabor da lua… A cada página criamos intimidade com os personagens, com as palavras, com as descobertas. De novo éramos professoras com seus alunos e alunas contando história como contávamos perto do marreco, dentro de nossa sala ou em nossa varanda, podíamos pelas janelas e mosaicos saborear as palavras que eram lidas e relidas prazeirosamente em nossos encontros urgentes!

Ressalto ainda, de novo sem sobressalto, que ser grupo foi ainda mais necessário nos tempos remotos, garantindo nossos laços e fazendo valer nossas histórias vividas, narradas ou contadas nas salas das casas, dos sítios que foram surgindo ou da escola.

Assim seguimos por meses na certeza dos encontros de trinta minutos em meio a nossas tardes solitárias. Encontros com janelas coloridas, com olhos enormes, com cabelos crescidos e com mais palavras, que foram aparecendo inteiras, acompanhadas de frases.

Quer saber mais sobre a Educação Infantil da Escola Viva? Entre em contato e venha nos conhecer!


Educação Infantil
Amarelinho e Laranja (1 a 3 anos)

Rua Professor Vahia de Abreu, 336
Vila Olímpia, São Paulo, CEP: 04549-002

Ensino Fundamental
3º ao 7º ano

Rua Professor Vahia de Abreu, 488
Vila Olímpia, São Paulo, CEP: 04549-002

Fale conosco

escolaviva@escolaviva.com.br

(11) 3040-2250

UMA ESCOLA DO GRUPO


Política de privacidade

Educação Infantil
Azul e Vermelho (4 e 5 anos)
Ensino Fundamental – 1º(Verde) e 2 ano (3 a 8 anos)

Rua Professor Vahia de Abreu, 664
Vila Olímpia, São Paulo, CEP: 04549-003

Ensino Fundametal
8° e 9° ano

Rua Casa do Ator, 836
Vila Olímpia, São Paulo, CEP: 04546-002


Ensino Médio
1ª a 3ª série

Rua Casa do Ator, 836
Vila Olímpia, São Paulo, CEP: 04546-002

ACOMPANHE NOSSAS
REDES SOCIAIS: